Imprensa

25-Jan-2018 09:35
Transporte

Pelo fim da taxa aos motoristas desempregados

Alesp aprova moção que pede o fim da taxa de exames toxicológicos a motoristas profissionais desempregados.

A Comissão de Trans­portes e Comunicações da Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo (Alesp) aprovou a Moção 77/2017, que apela ao presidente da República para que extinga a taxa de exames toxicológicos para motoristas profissionais desempregados. 

De acordo com o texto da moção, a medida tem como objetivo facilitar a vida dos profissionais que precisam de uma carteira de habilitação para trabalhar e, dessa forma, garantir o sustento de suas famílias. 

"Muitos motoristas precisam da carteira de habilitação profissional para garantir uma vaga de emprego. Imagine a situação de quem está desempregado, sem dinheiro para pagar a taxa referente ao exame toxicológico, que custa aproximadamente R$ 300,00, e precisa desse documento para o exercício de sua profissão", alega a Comissão de Transportes.

A Comissão ainda fez questão de ressaltar que é favorável à obrigatoriedade do exame toxicológico para os motoristas, mas que a cobrança da taxa está prejudicando muitas famílias de profissionais que sobrevivem dá área de transporte. "Precisamos facilitar a geração de empregos. Acredito que a extinção da taxa contribuirá para que os motoristas profissionais enfrentem menos resistência no mercado de trabalho". 

Alesp
Deixe seu Recado