Imprensa

09-Mai-2019 15:47
Requerimento

França questiona Executivo sobre nova área para construção do Hospital Municipal

Hospital Municipal de Sorocaba já conta com uma área desapropriada para sua construção na avenida Ipanema. Recentemente, a Prefeitura divulgou decreto para a compra de uma outra área, em local bem mais distante.

Em requerimento, o vereador Francisco França (PT), questiona o Executivo sobre uma nova área para a construção do Hospital Municipal de Sorocaba regulamentada pelo Decreto nº 24.779/2019 do prefeito José Crespo (DEM) e publicado no último dia 24 de abril no Jornal do Município. Esse decreto declara de utilidade pública para fins de construção do Hospital Municipal uma área de 40 mil metros quadrados, localizado à avenida Odete Matucci, às margens da Rodovia Raposo Tavares, próximo ao novo Hospital Regional.

"O que acontece é que o Hospital Municipal de Sorocaba já tem a sua área", alerta Francisco França. "A Prefeitura de Sorocaba pagou R$ 13,6 milhões, em 2013, por uma propriedade na Avenida Ipanema, número 5001, para construir o hospital do município na Região Norte, a região mais populosa da cidade, para ajudar a desafogar os atendimentos nas demais unidades de urgência e emergência 24 horas. Então, para quê comprar uma outra área, em uma localidade bem mais distante, e gastar verba pública para uma finalidade que já existe?", questiona.

O parlamentar lembra do movimento em prol do hospital público municipal que foi feito na época, por meio de projeto de iniciativa popular com mais de 26 mil assinaturas, e que resultou na negociação e compra da área da antiga garagem da TCS pela Prefeitura de Sorocaba para a construção do primeiro hospital municipal da cidade.

"Com este decreto, o prefeito de Sorocaba, além de onerar, sem necessidade, os cofres públicos municipais e levar o projeto da construção de um Hospital Municipal para um local de acesso mais trabalhoso, ignora e desmerece todo o trabalho feito pela população que, desde 2013 luta pela construção do hospital público municipal em local de fácil acesso e que atenda às necessidades da região mais populosa do município que é a Região Norte", argumenta.

 

 

 

 

 

Andrea Quevedo - Assessoria de Imprensa Vereador Francisco França
Deixe seu Recado