Imprensa

17-Set-2009 09:10
Notícia

França pede quebra de decoro parlamentar do vereador tucano

Na última sexta-feira (11), o vereador Francisco França (PT) protocolou um ofício na Câmara Municipal de Sorocaba para que a mesa diretora do legislativo apure a possível quebra de decoro parlamentar do vereador Hélio Aparecido de Godoy, conforme texto do capítulo 5, Artigo 75, parágrafo 4º., inciso 2 (percepção de vantagens indevidas), do Regimento Interno do Legislativo, por ter feito distribuição de exemplares do Jornal do Município de Sorocaba (edição 1381), no Jardim Ipiranga.

Segundo França, o fato chamou sua atenção, quando tomou conhecimento através do jornal Bom Dia (edição 05/09/09), que trouxe a informação de que uma imagem no site do vereador Hélio de Godoy o estampava atrás de uma pilha de jornais, deixando claro que estava distribuindo o Jornal aos moradores daquele bairro.

"É estranho que após as notas do Bom Dia informar sobre a foto, ela foi retirada do site, quer dizer, o vereador reconheceu o absurdo da situação".

Para França, o Jornal do Município é um órgão oficial dos atos de comunicação da Prefeitura de Sorocaba, por isso não pode ser usado em benefício de uma legislatura.

"O Jornal do Município é um semanal distribuído nas unidades da Casa do Cidadão, nas bancas e demais órgãos públicos, portanto, estar na calçada de uma rua no bairro onde o vereador Hélio Godoy diz ser de sua atuação, com ele fazendo a distribuição, é, no mínimo estranho"

França considera que houve proteção do vereador do PSDB, por ele ser do mesmo partido do prefeito Vitor Lippi, porém, os responsáveis pela ação esqueceram que estavam usando um veículo de comunicação da Prefeitura, que envolve dinheiro público, em favorecimento de um vereador.

"Você imagina se todos os vereadores exigirem que o Jornal do Município divulgue as atuações e reivindicações de cada um". 

De acordo com França, seu ofício já está na consultoria jurídica da Câmara aguardando parecer.

Assessoria de Imprensa
Deixe seu Recado